Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página

Rua Ten Apollo Rezk

 Nascido em 09/02/1918 no Rio de Janeiro, filho de imigrantes, o jovem Apollo sonhava em seguir com a carreira militar, no entanto, foi reprovado no exame de saúde para a escola Militar do Realengo, porém sua história na carreira das armas não acabou por aqui. Quando alcançou a idade do alistamento militar obrigatório, foi conduzido ao CPOR do Rio de Janeiro e tendo sido aprovado nos exames médico, físico e intelectual, enfrentou os diversos desafios da formação militar e em 1939, foi declarado Aspirante-a-Oficial da Arma de Infantaria.

 

Por ocasião da entrada do Brasil na II Guerra Mundial, o Ten Apollo foi convocado a embarcar para a Itália, incorporando-se ao Regimento Sampaio, no 2º Escalão da FEB. A frente de seu pelotão, em Monte Castelo, conquistou uma importante posição alemã. Pela bravura demonstrada nessa ação, o Ten Apollo foi agraciado com a Medalha “Silver Star” - importante condecoração militar por bravura dos Estados Unidos.

 Não sendo suficiente, o Ten Apollo demonstrou sua coragem novamente, quando em 1945, sob pesada resistência inimiga, após atravessou um extenso campo minado e conquistou a região da La Serra. Mesmo estando ferido e em posição vulnerável, resistiu ao contra-ataque alemão, repelindo-os e infligindo-lhes baixas.

 Devido aos seus honrosos feitos, foi condecorado pelo Governo Brasileiro com as medalhas: Medalha de Campanha, Cruz de Combate de 1ª Classe, Medalha de Sangue do Brasil e Medalha de Guerra. Recebeu também, do governo americano, a medalha “Distinguished Service Cross”, considerada uma das mais importantes condecorações americanas, se tornando o militar brasileiro mais condecorado na 2ª Guerra Mundial.

Este militar seguiu com sua nobre carreira, sendo reformado em 1957 no posto de Major. Além do Regimento Sampaio, também serviu no Batalhão de Guardas, batalhão esse que é uma das origens do atual Batalhão da Guarda Presidencial. Veio a falecer em 1999 e deixou na história do Exército Brasileiro, seu incrível exemplo de coragem e determinação. O Batalhão da Guarda Presidencial, tem hoje a honra de homenageá-lo, nomeando uma de suas ruas, com o nome desse exemplo de militar.

registrado em:
Fim do conteúdo da página